F.A.Q.

Abaixo você encontra perguntas que são feitas frequentemente sobre o projeto e as fotografias. Talvez uma destas dúvidas seja a sua. Recomendo que leia tudo antes de entrar em contato, se possível.

Quem é o responsável pelo Libertine?

Meu nome é Neto Macedo e atuo como fotógrafo e professor. Veja outros trabalhos dele em netomacedo.com ou na sua página do facebook. Entre em contato para saber sobre ensaios ou para levar um dos meus cursos para sua cidade. Criei o Libertine em 2010 e encerrei-o em 2017.

Como surgiu a ideia de criar o projeto?

Sempre tive um fascínio pelos ensaios fotográficos das revistas que tinha acesso em casa. Quando arrumei uma câmera, como a maioria dos fotógrafos de nu, comecei fotografando pessoas próximas de mim. O Libertine foi uma maneira que criei de me forçar a produzir mais, além de ter um espaço para publicar as fotos. O projeto encontra-se encerrado desde o início de 2017.

O que você procurava nas modelos?

Para o Libertine: procuro mais um feeling de mulher do que um tipo físico específico. Gosto de imagens onde a força da beleza resida na pureza, fragilidade e delicadeza. Gosto de gente que consegue ficar à vontade, que consegue ser suave, que passe uma sensação de leveza, seja com as mãos, a expressão do corpo ou o olhar.

Como você escolhia as modelos?

Não há uma escolha propriamente dita. Na verdade é a modelo que escolhe o Libertine. A partir do momento que se cadastrar, você vai provavelmente receber meu contato quando eu estiver na sua cidade/região. Se eu não estiver perto de você, seu cadastro fica lá, até eu estar próximo a você por um acaso do destino.

Quais critérios utilizados para escolher os temas dos ensaios?

O foco do Libertine são “ensaios orgânicos em locações naturais e intimistas”. Isso pode mudar às vezes? Sim. O que não muda é a ideia da não-pose e da naturalidade.

Tenho vontade de ser fotografada, mas morro de vergonha.

O Libertine já foi encerrado, mas se você um dia quiser contratar os meus serviços, o que posso dizer é que faço o possível pra que você se sinta o mais à vontade possível. A vergonha é quase sempre inicial. Depois de um tempo você verá que ela passa. Escrevi algo relacionado à vergonha das mulheres com o próprio corpo e você pode ler aqui.

Quero fazer um ensaio mas não quero publicá-lo no site. Como faço?

Entre em contato pela página de contato e solicite um orçamento de ensaio de nu particular. Atuo no norte de Minas Gerais e em Belo Horizonte. Em algumas ocasiões realizo viagens para outros estados, quando posso ter agenda para ensaios também.

Se te contratar para fazer um ensaio, tenho que ficar nua? Você não faria um ensaio sem mostrar os seios?

Você é quem escolhe o nível de nudez do seu ensaio. O cliente é quem comanda tudo o que acontece no ensaio, e nada é feito sem o seu consentimento. Os ensaios são planejados com antecedência e no dia das fotos tudo acontece de maneira muito fluida e suave.

E a logística? Quantidade de fotos, horas, equipe?

Cada ensaio é diferente. mas existe uma regra para todos: você ficar à vontade. Por isso, faço o impossível para que seja somente eu presente durante as fotos. É claro, você pode levar o acompanhante que quiser, mas a equipe de fotografia em geral é mínima, se restringindo ao fotógrafo.

Os ensaios duram em torno de 3 horas. Cada ensaio rende em média de 60 fotos das quais 15 são entregues à modelo a partir de sua escolha. Mais fotos adicionais podem ser entregues por um custo unitário.

Já pensou em fotografar homens num ensaio que siga a mesma linha que segue hoje fotografando garotas?

Sim: já pensei sobre e já fotografei. Inclusive gostei do resultado, mas não montaria um projeto como o Libertine para fotografar homens. Se você quiser um orçamento para ensaio masculino, te atenderei com todo prazer. Entre em contato.

——————————————————————————————————–